Ele utilizava documentos falsos e levava vida de aparente tranquilidade

*Com Informações e foto: assessoria PF/AL

Foi preso pela Polícia Federal (PF) em Alagoas, na manhã desta quinta-feira (19), um homem, foragido da Justiça de São Paulo. A prisão ocorreu durante a operação “Opostos”, que cumpriu mandado expedido pela Justiça de Alagoas de prisão temporária e de busca e apreensão em apartamento, localizado no bairro da Jatiúca, parte baixa de Maceió. Também foi cumprido mandado de prisão por sentença definitiva, expedido pela Justiça Estadual de São Paulo.

Segundo a PF/AL, a investigação resultou na descoberta de um foragido da Justiça Paulista. O homem, que é um pequeno comerciante na orla de Maceió, mas que não teve o nome revelado, usava documentos de identificação falsos que foram utilizados para obter documentos emitidos pela Receita Federal, Justiça Eleitoral, Detran e Prefeitura de Maceió.

Ainda de acordo com a investigação,  o homem possui uma vasta ficha criminal com antecedentes por receptação, roubo e porte ilegal de arma de fogo no Estado de São Paulo. A PF também destacou que há indícios de que ele participa de uma facção criminosa.

O homem que estava foragido tem pelo menos três condenações criminais que, somadas, superam doze anos de prisão, boa parte da pena não cumprida.

Durante as buscas realizadas no apartamento,  foram apreendidos documentos que serão incluídos aos autos do inquérito policial da PF/AL.

O passará por exame de corpo de delito e será encaminhado ao Sistema Prisional do Estado.

A PF explicou que o nome da operação, “Opostos”, é uma referência as duas vidas levadas pelo investigado que, sob o manto de dissimulada conduta pacata e ordeira esquivava-se da Justiça paulista e, de maneira OPOSTA à aparente vida lícita, continuava a delinquir sorrateiramente em terras alagoanas.