*Imagem: assessoria

Um casal voltava do trabalho em uma feira quando foi surpreendido por criminosos. Segundo o relato da esposa aos militares que atenderam a ocorrência, ela e o marido, foram alvo de disparos de arma de fogo mesmo após terem entregado o dinheiro fruto da comercialização de carne. Baleado, o homem acabou não resistindo e morreu. O crime foi registrado na zona rural do município de Coruripe.

Ainda segundo os relatos da mulher, os criminosos usavam balaclava para esconderem os rostos. Ela foi baleada na região do braço, mas o marido dela que também foi atingido, tentou fugir e foi encontrado morto dentro de um canavial, próximo ao veículo no qual estava o casal, que foi incendiado e ficou destruído.

Nas informações colhidas pela polícia, a mulher relatou que os dois criminosos anunciaram um assalto e efetuaram disparos com o objetivo que o casal parasse o carro. Os criminosos levaram a quantia de R$ 14 mil, provenientes da venda de carnes no açougue das vítimas.

Mesmo com o dinheiro nas mãos, os criminosos atiraram contra as vítimas. A mulher correu em uma direção e foi atingida no braço, já o marido correu para o canavial e foi perseguido pela dupla armada. O comerciante foi morto com tiros na cabeça.

No local onde o corpo foi encontrado, a polícia informou que encontrou pertences que podem ser dos criminosos como lanches, roupas, sandálias e bonés. O achado dá indícios de que os suspeitos estavam no local esperando as vítimas.

A polícia vai investigar o caso tomando como base os relatos da esposa da vítima. A mulher não soube informar aos policiais como o carro foi incendiado.